quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

O Louco

Este é o Louco, no baralho de Crowley, eu falei dele no texto Vamos Acreditar, dia 25/12/08. Acho que é essa postura que devemos ter para aprender algo novo. Braços e mente aberta, confiante, indo além do medo(tigre na perna) e de todas as dificuldades. Uma semente (fechada) não desabrocha, ela fica segura mas não se transforma. O Louco nos convida a saltar para o desconhecido, perder um pouco o juízo, talvez até ser infantil, tolo, só assim damos o primeiro passo. Só de falar isso já sinto um frio na barriga...Será que eu faço isso? Bom ultimamente a internet vem testando os meus medos, venho trabalhado com eles para poder aprender a "decifrar a esfinge Web".

Leia Também:

7 comentários:

  1. Nanda,

    Acredito q estou caminhando pra isso. "braços e mente aberta... ir além do medo..."

    Ahhh como é dificil essa tarefa, mas confesso que a cada dia me convenço mais que tô escolhendo o caminho mais adequado, desabrochando para o novo... Bem, acho que é isso..

    Beijo grande e Feliz 2009 pra ti.

    Nanda

    ResponderExcluir
  2. Engraçado eu sempre tive um pouco de medo da carta do louco . È que ao mesmo tempo que ele parece ter esse lado de jogar- se, abrir-se para o novo.....mmmm...a imagem dele no tarô clássico parece ter essa cara de quem se jogou e seu mal e ficou vagando pelo mundo "como um louco". Aquelas histórias de mendigos que tinham tudo e hoje são seres a vagar sonambulos pelo mundo.

    ResponderExcluir
  3. Nino, se você ler o texto "Vamos acreditar!" verá que falo disso,é verdade que nem sempre o salto é 100% realizável, mas quando aprendemos a cair, fazemos feito Madonna, aproveitamos a queda para enriquecer o passo...

    ResponderExcluir
  4. Nanda, não é fácil, é verdade, mas acredito que esse é o melhor caminho na existência terrena!

    ResponderExcluir
  5. A SEGURANÇA DA SEMENTE FECHADA É FALSA E NOS MANTEM INFELIZES... MAS, COMO É DESAFIADOR ARRISCAR O NOVO E A TRANSFORMAÇÃO...
    A LOUCURA, NA VERDADE, É NOSSA PRISÃO SEMENTE! E VEJO QUE AINDA ESTOU NELA, MAS, HOJE JÁ PERCEBO QUE ESTOU...

    ResponderExcluir
  6. PARA DIANA: Sim! Esse já é um começo bom, perceber. E fico feliz de ouvir isso de vc, já que tinha um costume de não valorizar suas conquistas.

    ResponderExcluir

Oi queridos/das, adoro ler comentários, contribuam para o meu prazer! Obrigada.