quarta-feira, 26 de maio de 2010

Sexo, vida e confusão



“Sexo é vida!” Ouvi esta frase num comercial e fiquei pensando, o quanto valorizamos essa atividade em nossa vida. Acho que supervalorizamos o sexo... Melhor; não sabemos o que fazer com ele. Ora o rebaixamos a coisa do demônio, então o escondemos, nos envergonhamos de praticar, fingimos falta de interesse... Ora o endeusamos e dizemos ser a melhor coisa do mundo, que não vivemos sem ele, que só isso existe de legal para fazer na vida, declaramos que o praticamos a toda hora e de maneira diversa.

São dois extremos ou o colocamos lá em cima ou o desonramos com os conceitos mais baixos. A humanidade é ainda guiada pelo instinto sexual para reprodução, mas não domou a fera ainda. Ou o reprime ou se deixa governar por ele, parece até que não tem meio termo... É um assunto complicado, que sempre gera polêmica e levantes ou totalmente a favor ou totalmente contra. É aquele caso: ame ou odeie!

Poderemos um dia lidar com esse ato da natureza com tranqüilidade e equilíbrio? Será que vamos ser naturais nesse quesito? Lidaremos no futuro com esse assunto como lidamos com a respiração? Respiramos e pronto, fazemos sexo e pronto. Porque será que isso gerou tanta confusão durante milênios? O que o sexo tem de tão ameaçador que mesmo numa era tecnológica como a nossa ainda tropeçamos aí? Sexo é vida ou faz parte da vida?

Namasté!

Leia também:
Seja amigo do sexo
Prazer
Desejo

8 comentários:

  1. Muito bem.....

    Seu texto nos faz pensar no quanto somos seres conturbados. Nós mesmos não nos conhecemos, e assim será, porque o homem jamais conseguirá desvendar seus próprios mistérios. O sexo, em minha concepção, vai além de apenas reprodução, porque para que ocorra o ato é necessário primeiramente existir alguma atração.

    Viver bem não é fazer uma liberdade sem limites, mas sim, viver com honestidade e coerências em seus atos.

    Abraços, Rubens
    http://www.todospelademocracia.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi,Nanda

    o sexo é umas das forças mais potentes da natureza e também um dos grandes tabus, ainda hoje,mesmo em face de tanta informação,há muita desinformação acerca do sexo, algo tão natural, parece contraditório e é ... apesar de religiões estigmatizarem como algo sujo e pecaminoso penso que uso incorreto das energias sexuais ,o excesso ,a lascívia ,a abstinência imposta que é causadora dos grandes problemas em nossa sociedade.
    sexo é inerante ao ser humano e como qualquer força pode ser usado para o bem ou não, cabe a cada decidir!

    beijos no coração

    ResponderExcluir
  3. Muito bom assunto. Somos de fato confusos e este assunto é incômodo, bom, desagradável.. que mais? Outro dia um fisioterapeuta me mostrou como eu respirava errado. Achei ótimo, aprendi o correto e estou treinando. Mas se alguém me disser o quanto faço sexo errado? Ou para qualquer um de nós, o quanto isto incomodaria?

    ResponderExcluir
  4. Queridos Rubens, Rô e Roberto, obrigada pela visita e comentários!

    O sexo ainda é misterioso para o ser humano...

    ResponderExcluir
  5. Oi Nanda,

    Boa chamada! Sexo há milênios, como você mesma escreveu, é tabu nas diversas culturas mais conhecidas por nós ocidentais, mas não é o caso de algumas culturas orientais, nem em povos indígenas aqui mesmo no Brasil. Com a repressão que sofremos ao longo de tantos séculos, provavelmente "introjetamos" esta repressão e daí surgem os extremos a que você se refere. Um por querer se rebelar, outro por rezar na cartilha, mas ambos presos na mesma "arapuca".
    Seria o caso de observar mais de perto as culturas que não tem este "problema"? Ou pesquisar autores que teorizam tratados sobre o tema, como Reich, Foucault, Paglia, etc.?
    Em todo o caso, cada um deve procurar a sua "liberdade sexual" sem confundir com promiscuidade, e relaxar, pois existe mais coisas dentro de um relacionamento que apenas ou somente o sexo.

    Pra variar escrevi muito. rs

    beijos

    ResponderExcluir
  6. Cristiano:

    Eu não sei o caminho de superação, ou se existe apenas um, mas é certo que precisamos, para desfrutar melhor do sexo, encará-lo de forma natural e sagrada.
    Acredito que falar sobre o assunto é um bom meio.
    Bjão!

    ResponderExcluir
  7. Acho que vivemos uma época de grandes conflitos na sociedade que não aguenta mais a classificação sodomizada do sexo pelas 'igrejas' pq isso vai de encontro ao que todo ser humano sente instintivamente, mais ao mesmo tempo vivemos uma enxurrada de sexo banalizado e de consumo na Midia e internet e esse exagero é certamente prejudicial e já existe novas psicoses ligadas á essa questão. O Caminho do meio é o grande segredo da vida. Como diziam os Novos baianos..Sexo Seguro é sexo com amor !!! Viva o amor á vida, viva a camisinha, que a camisinha se transforme em uma atitude de amor á vida, não um incomodo como se fala por aí... Obrigado .. adoro seu blog

    ResponderExcluir
  8. André:

    Ainda estamos no caminho do desenvolvimento humano e o sexo é uma das coisas da vida que estamos aprendendo a dosar... rsrsr
    Primeiro reprimimos, agora liberamos, tudo em exagero!
    Mas todo aprendizado é assim e a humanidade é como um indivíduo gigante, leva tempo, mas aprendemos!
    Obrigada!!!!
    Fico alegre com sua visita e carinho, sei que também visita minhas poesias e agradeço!!!!
    Bjão!

    ResponderExcluir

Oi queridos/das, adoro ler comentários, contribuam para o meu prazer! Obrigada.