quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Sem endereço



O amor não tem endereço
nem de chegada, nem de partida
É como o ar
não tem moradia, é de todos
e de ninguém.

Nanda Botelho.



Achei que Salvador Dalí e liberdade combinavam, para mim ele foi bem corajoso de ser louco, e só os "loucos" podem amar realmente. Precisa-se estar livre de amarras e conceitos para poder saborear este sentimento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oi queridos/das, adoro ler comentários, contribuam para o meu prazer! Obrigada.