quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Universo Suspenso





Hoje vi uma chuva de folhas.
Não estamos no outono...
Mas elas caiam abundantemente.
Lindas...
Essa imagem me transportou para um tempo
Onde só havia árvores.
Fui para um universo suspenso, alto.
Eu estava acima
Só eu e as copas.
Senti saudade
Amei as árvores
E suas folhas caídas.

Nanda Botelho
02/10/09


Como você pode ver pela data já estávamos  na primavera... rsrs E estamos de novo, quase um ano que escrevi isto... O tempo voa! rsrs 

O universo suspenso para mim, era a época dos macacos. Quando fui macaco eu adorava as alturas e tinha uma relação de amor com as árvores. Esta memória ficou, amo as árvores até hoje.

Namasté!

4 comentários:

  1. Nanda, ontem à noite, antes de dormir, eu pensava como a vida passava rapidamente. O que planejei para daqui 2 meses, os mesmos já venceram, e percebi que precisava de mais 2 meses... e assim, o tempo passa e as folhas voltam a cair.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Nanda,
    Me fez lembrar da bela música a Lua e Eu.
    "Mais um ano se passou, e nem sequer ouvi falar teu nome..."
    Amei.
    Beijo querida.

    ResponderExcluir
  3. Nanda, no Brasil chega a primavera, por aqui o outono, o mundo nao pára.

    Olha vim te avisar que o Eduardo do Varal de Idéias fez hoje tua caricatura no blog Vitima da Quinta.

    Vai lá te ver.

    http://vtmadaquinta.blogspot.com/2011/09/187-vitima-da-quinta.html

    Abracos

    ResponderExcluir
  4. Sissym:

    Saber disso nos dá a responsabilidade de aproveitá-lo o melhor que podemos! ; )
    Xero!



    Beth:

    Parece que o tempo é um tema que chama atenção...
    Aproveitar os mínimos detalhes dessa jornada é o que inspira o poema.
    Bjs!



    Georgia:

    Sim, o tempo... rsrs
    Ele é o senhor de nossas vidas e como diz a mitologia greco-romana nos devora! rsrs
    Olha que honra!!!
    Obrigada por me avisar, vou lá dar uma olhada!
    Bjs!

    ResponderExcluir

Oi queridos/das, adoro ler comentários, contribuam para o meu prazer! Obrigada.