sexta-feira, 9 de setembro de 2011

Ansiedade, ajuda ou atrapalha?




Sugestão de Maria de Fátima, colaboradora assídua do Múltiplas:

“Se puder fala algo sobre como a ansiedade interfere na vida profissional, pessoal e com destaque para o setor amoroso.”


Acostumamos achar que ansiedade é ruim porque a associamos com a ansiedade doença. Então imaginamos que ela só atrapalha. Claro que se estiver num nível alto ela interfere de maneira negativa. Mas bem ajustada ela pode ser benéfica.

A ansiedade é uma espécie de tensão que nos deixa ativos, atentos, espertos. Ora, acho que isso é bom, para todas as áreas de nossa vida. O problema é quando ela cresce em intensidade e toma muito tempo em nossa vida. Aí ela vira um medo crônico, um pessimismo, uma aposta que a vida só vai tomar o rumo que não desejamos.

Na área profissional, ficamos o tempo todo nos achando a pior pessoa do mundo, se não temos trabalho, pensamos que não vamos conseguir um, se já estamos trabalhando imaginamos que vamos ser demitidos, que o colega vai nos prejudicar, que vamos errar em tudo que fazemos.

No dia a dia, achamos que não teremos amizades sinceras, que os filhos não vão se virar bem na vida, que não tem nada que você possa fazer para melhorar sua situação geral. Estão todos contra você e não há escapatória, a vida só pode ser ruim, trágica e solitária. Além das fobias, ataques de pânico e o TOC (transtorno Obsessivo Compulsivo) que nos acometem.

Na vida amorosa você é consumido pelo ciúme, que para mim, é a expressão mais forte do medo de perder o ser amado, baseado numa idéia de inferioridade, (já falei disso aqui) eu não sou suficientemente bom para manter meu parceiro interessado. Nem preciso dizer que isso é danoso. Corrói tudo de bom que o relacionamento e a vida têm.

Alguém ansioso patologicamente, vive preocupado, arquitetando os mais drásticos desfechos. E isso pode levar tanto tempo da vida de alguém que nem mais podemos chamar isso de vida!

Para curar ansiedade, eu aposto, na respiração consciente. Isso se o caso já não é tão grave que só com medicamentos ela regulariza. A respiração informa para seu corpo como ele deve se sentir, se é uma respiração calma, profunda, o corpo entende que ele não precisa se armar para defesa e o grau de tensão diminui. Acho melhor que o tão oferecido copo d’água. Exercício de respiração funciona! Experiente e então a ansiedade ficará num nível saudável, aquele que não atrapalha sua vida.

Namasté!

Leia também:

12 comentários:

  1. Bom dia, Nanda!
    Infelizmente tenho que dizer que meu nível de ansiedade está acima do normal, isso é terrível!
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. Bom dia Nandinha,

    A minha ansiedade anda meio altinha sim, mas é o stress do dia a dia, o trabalho e os afazeres domésticos. Basta comer chocolate que relaxo loguinho!

    Eu sei quando ando stressada. Como ranjo os dentes, sei que estou no limite qdo a minha mandíbula começa a doer ou qdo o escuto o barulho do "ranger dos dentes" - aí sei que passei dos límites!

    bjão

    ResponderExcluir
  3. Eu procuro ser disciplina e controlar a minha impulsividade e a ansiedade. Eu considero que a ansiedade ajuda a impulsionar, fazer acontecer, mas se não for administrada, ela vai certamente atrapalhar.

    Bjs e otimo final de semana!

    ResponderExcluir
  4. Obrigada pelo texto muito rico e, construtivo!! Fiquei muito feliz...
    Em relação, ao processo de respiração tentei algumas vezes mas, confesso o não controle.rsrs Também tentei yoga mas... a agonia pelo já me toma.
    Continuo na Terapia que me ajuda bastante a controlar a ansiedade e optei também pela homeopatia que está na minha familia há anos... E estou na hidroginastica o contato com a água me acalma, leva-me para o universo protegido do útero materno...
    No mais, tento podar os sentimentos negativos e construir mensagens de otimismo e positividade diariamente. Mensagens escritas e coladas nas paredes de minha casa para que eu não esqueça... Fiz uso de medicação durante um tempo mas, isso me tirava todas as forças, toda minha vida....só pensava em dormir ou deitar...Percebi, durante este tempo que quanto mais eu exagere no desejo de algo mais me enfraqueço e, consequentemente tenho mais acessos de idealizações catastróficas...o segredo está no desejo harmonioso, em perceber que o que é negativo não é real. Perceber que eu posso tentar quantas vezes quiser e me fazer vitoriosa não apenas quando alcançar o objetivo mas, quando vencer meus limites invisíveis e palpáveis ao mesmo tempo...Imagino cenários bonitos, claros e tento, mentalizar minha vida neste mundo...não ilusiono um mundo impossível com gnomes etc...mas um mundo que eu posso construir quando estou bem quando estou pensando no bem...Meu maior defeito está em fazer DEMAIS: amar demais, chorar demais, correr demais...focar demais e, assim viver de menos...
    Mas, com todas as ajudas que busco e, com pessoas incríveis como vc ganho um pouco mais a cada dia, na luta silenciosa contra a ansiedade..

    Bjusssssssssssssss
    ótimo fim de semna

    ResponderExcluir
  5. Ana Paula:

    Oi linda!
    Então use algum método para ela voltar a níveis saudáveis. Alta ela danifica muito o corpo!
    bjs!!!




    Mylla:

    Pensar que ficar num nível de tensão alto é estresse do dia a dia é típico de nossa era! srsr
    Não sei se comer chocolate é a melhor opção para normalizar, agora deve ser a mais gostosa, né?
    Seu dentes são ótimos amigos, eles lhe avisam, e você como retribui esta atenção?
    Bjs!




    Sissym:

    Sim, acredito que somos mestres de nossas emoções, mas não treinamos o suficiente para experimentar esta sensação de domínio.
    Administrar nossa conduta é a melhor coisa que podemos fazer!
    Bjs!!!




    Maria de Fátima:

    Eu é que agradeço sua constante participação por aqui!
    Continue tentando, domar a respiração não é coisa fácil!
    A agonia é o primeiro estágio do processo de tranquilidade, mas entendemos este sintoma como o esforço não dando certo e abandonamos um ótimo caminho para mudança de vida.
    A terapia e homeopatia são recursos muito bons!
    A hidroginática pode lhe ajudar a domar a respiração.
    Acho o método de mudar o rumo do pensamento, ótimo!!
    A medicação pode ajudar muito em casos moderados a grave. Mas deve ser usada com cuidado!
    Imaginar um mundo tranquilo é o primeiro passo para ele existir de fato!
    Fazer qualquer coisa demais, só é ruim quando é por um longo período, pois a energia usada neste modo é grande e desgasta muito o corpo. Então ame demais, porém em curtos períodos de tempo! rsrs
    Tenha uma tarde de amor enlouquecido, e descanse uma semana! Dá para ser? rsrs
    Bjs!!!

    ResponderExcluir
  6. Oi Nanda,

    ansiedade!.. seria fantástico mantê-la sempre no nível ideal.Consigo administrar com Yoga, meditação e respiração consciente!!
    Tento sempre tirar um tempo para mim mesma e eliminar os excessos que ás vezes sem querer na correria a gente vai acumulando.. mantenho-me afastada da mídia sensacionalista, tornei-me seletiva mesmo, afinal a gente escolhe o que quer ler, ver e escutar!
    seu blog é maravilhoso!! adorei e estou seguindo!
    beijos!
    Mariangela

    ResponderExcluir
  7. Minha ansiedade só passa depois de uma sessão de psicanálise. Dizem que meditação é ótimo, mas cadê paciência pra ficar parada meditando?

    Beijos meninas! Passem lá no meu blog! http://soliloquiospsicanaliticos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  8. Mariangela:

    Acho que vc faz tudo o que é preciso e eficiente para manter sua ansiedade em nível saudável! Parabéns!
    Fico feliz de vc ter gostado do meu blog!!!
    Espero vê-la sempre por aqui!!!




    Raquel:

    Cada um encontra um método que se ajusta melhor a sua personalidade. Acho que para se beneficiar da meditação é preciso entender melhor o que ela é.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  9. Nanda.

    Eu ando tão ansiosa, mas tanto, que vivo inchando e desinchando. (Nem sei se escreve assim). O rosto adormece... Acredito que é muita energia que tenho dentro de mim. Mas, olha só, passei a tarde escutando aquela musica que vc mostrou, em outro post. Pra ver se desacelero.

    Outro dia, em um post ensinava etapas da meditação. Fui tentar... nossa, meu rosto começou a formigar tanto, que resolvi deixar pra outra oportunidade.

    Um grande abraço!

    Valéria

    ResponderExcluir
  10. Valéria:

    Nossa, vc está parecendo uma usina! rssr
    Mas se seu formigamento não é físico, ou seja de causas orgânicas, vc pode continuar o formigamento e colocar consciência nele com respiração, o primeiro passo da meditação é, na maioria das vezes, o desespero, porém se vc continua as coisas se acalmam.
    Talvez as técnicas ativas do Osho possam ajudar... Pois primeiro ele bota a gente para se mexer muito só depois é que paramos o corpo.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  11. Eu fico extremamente ansioso quando não vou conseguir entregar trabalho a tempo.

    ResponderExcluir
  12. Pedro:

    Se você sabe que não vai conseguir, então por que ficar ansioso, né? rsrs
    O melhor é focar a mente na solução do problema.
    Bjs!

    ResponderExcluir

Oi queridos/das, adoro ler comentários, contribuam para o meu prazer! Obrigada.