sexta-feira, 12 de março de 2010

A difícil arte de dizer sim e não



Venho percebendo que temos uma dificuldade imensa de usar essas duas palavras. O não é impor limites, reconhecer fronteiras, selecionar. O sim é afirmar, abrir-se, tornar-se vulnerável. Cada uma tem seu momento certo e quando estão em equilíbrio podemos dizer que temos uma vida boa. Mas não sabemos quando dizê-las. Confundimos seus momentos e às vezes exageramos na dose de uma delas. Acho que essas palavras são como sal e açúcar em nossa cozinha, essenciais e maravilhosas se sabemos dosar bem. Elas dão gosto à vida. É como cozinhar; é uma arte, usar sim e não também é.

Então como descobrir quando dizer uma e dizer outra? É preciso primeiro se ouvir, profunda e verdadeiramente. Como mentimos muito para nós mesmos, achamos que podemos o que não suportamos de verdade. E às vezes nos limitamos em coisas que poderíamos ir muito mais longe. Neste caso o exercício de se escutar é primordial, conhecer-nos com exatidão. Depois ouvir os outros e o ambiente, pois nossos sins e nãos geralmente estão ligados a eles. Fazendo uma mistura de interesses podemos ajustar melhor o momento e a quantidade de sim e não. O balanço entre as duas faz a vida ficar gostosa!

Tá certo que às vezes uma ou outra pessoa ficará frustrada com nossas respostas, faz parte da experiência de viver; frustrar e ser frustrado, mas quando somos muito honestos conosco, isso passa e logo depois vem a bonança, a paz. Lembre-se viver bem é uma arte, nela você precisa encontrar: criatividade, harmonia, equilíbrio. Aprenda a se ouvir para poder ser mais preciso em suas respostas, são elas que nos fazem aproveitar a existência.

Namasté!

Leia também:
A arte de viver
Respeito X Amizade
Temperar filhos:a educação do cozinhar

6 comentários:

  1. Belo texto, precioso tema!
    SIM pra vc :)

    ResponderExcluir
  2. Difícil é a dosagem, né?! Gostaria que fosse como soro caseiro, em que as porções de sal e açúcar são identificadas previamente e você apenas as utiliza. Descobri, não faz muito tempo, que disse "sim" demais, sofri com os meus "sim" em excesso, aprendi a dizer mais "não", "não posso", "não quero", "não gosto"... e as pessoas cobram a postura anterior, esquecem que há um ser humano tomando atitudes, aliás, um ser humano que tem ouvido muitos "não"...sinceridade? acho que a dosagem de "sim" e "não" vem com o tempo, não com a velhice, mas com algo que se adquire, que se aprende no exercício de viver: a maturidade.
    abçs :)

    ResponderExcluir
  3. Olá Nanda, percebo que quando alguém diz não para mim, na realidade ela está dizendo não para ela mesma.
    Quando eu digo não, o que estou querendo dizer é: Eu não quero isso para mim, ou, eu não quero isso na minha vida..

    Beijo pra vc.

    Bom findi,

    Hod.

    ResponderExcluir
  4. Passei muitos anos com esta dificuldade, especialmente de dizer não. Hoje, não sei se é a maturidade ou as circunstancias, que sou mais segura para dizer sim ou não.

    ResponderExcluir
  5. Olá querida amiga Nanda,

    Parabéns pelo post.

    Não consigo dizer não, nunca, para quem me pede algo.

    Sempre me pergunto: porque dizer não, se estou disponível(aposentada), tenho tempo, tenho disposição e vontade de ajudar ao próximo.

    A minha felicidade é muito maior ao dizer "sim" e perceber a feição do amigo/parente/ desconhecido/quem quer que precise, serenar e sentir alívio, pois quando alguém pede algo, com certeza, é muito mais difícil e doloroso esse ato.

    Acho que precisamos ter compaixão e se estiver ao alcance de nossas mãos, devemos estendê-las a quem pedir. Acho que é isso que Jesus espera de mim.

    Beijos.
    Carinhoso e fraterno abraço,
    Lilian

    ResponderExcluir
  6. Madalena:

    Obrigada!!!
    Bjão!



    Elaine:

    Acho que podemos aprender mais cedo a dizer sim e não se nos ouvirmos melhor, a dosagem depende de nos conhecer. Agora sempre vamos ouvir a frustração do outro num não, isso é natural... E fixar alguém num comportamento também, com o tempo seus amigos e parentes vão se adaptar a nova Elaine! Vc vai ver!
    Bjão!



    Hod:

    Sabe que eu digo que quando eu digo não para alguém eu estou dizendo um sim para mim??
    Eu não quero isso e quero aquilo.
    Bjão!



    Sissym:

    Acho que vc se conhece melhor, está mais segura de si, então pode aguentar a frustração do outro e a sua também de não querer fazer tudo para todos...
    Bjão!



    Lilian:

    Obrigada!
    Então vc encontrou sua dosagem, e se vc está feliz... Este é o melhor crivo, mas fique atenta ao menor sinal de cansaço pare!
    Bjão!

    ResponderExcluir

Oi queridos/das, adoro ler comentários, contribuam para o meu prazer! Obrigada.